skip to Main Content
0800 510 2910 ouvidoria@semae.rs.gov.br
RIO DOS SINOS | Semae E Comitesinos Trabalham Em Conjunto Pela Reposição Da Mata Ciliar

RIO DOS SINOS | Semae e Comitesinos trabalham em conjunto pela reposição da mata ciliar

📸 Digue Cardoso | Semae

O projeto VerdeSinos, coordenado pelo Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (Comitesinos), passa a contar agora com o apoio do Serviço Municipal de Água e Esgotos (Semae) de São Leopoldo. Uma parceria firmada entre os órgãos estabelece que o Semae preste assessoria técnica ao Comitê para desenvolvimento de boas práticas de restauração de vegetação e reposição de mata ciliar.
O biólogo Julian Mauhs, operador de tratamento de água na autarquia, será responsável pelo trabalho planejado. “Temos um levantamento bastante intensivo de prospecção das áreas prioritárias para a conservação, com detalhamento da composição das florestas nos diferentes trechos da Bacia. Portanto, o objetivo desta cooperação é realizar uma ação de recuperação das áreas de preservação permanente, considerando estas características das diferenças na composição florística para usar espécies adaptadas para cada parte da Bacia”, explica.
Para o diretor-geral do Semae e presidente do Comitesinos, Anderson Etter, a colaboração deve gerar resultados positivos para as 32 cidades que compõem a Bacia do Sinos. “A mata ciliar é fundamental para a conservação do ambiente no entorno do Rio. Ela é capaz de proteger o manancial, evitando o assoreamento, por exemplo. Por isso, o trabalho de recomposição contribuirá diretamente para a qualidade da água que captamos para tratar e entregar à nossa população”, comenta.

O VERDESINOS
O VerdeSinos busca a recomposição da mata ciliar em trechos que integram as estruturas dos corpos de água que formam a malha hídrica da Bacia do Rio dos Sinos, além de desenvolver técnicas de reposição da mata voltadas à sustentabilidade ambiental e econômica. O projeto também promove a mobilização e a participação social em ações continuadas de educação ambiental, reunindo diversas instituições e entidades. Desde 2009, o VerdeSinos já protegeu ou recuperou quase 900 hectares de nascentes e margens.

 

✍🏻 Daiane Pires | Jornalista | MTb 15.127

Back To Top

Send this to a friend