Links / Banco de Notícias

13/11/2019 - 15h03

Guardiões da Água é selecionado para a XXIV Cúpula de Mercocidades

O projeto Guardiões da Água, desenvolvido pelo Semae em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Relações Internacionais (Secult), foi selecionado na etapa internacional da Rede Mercocidades como um dos três projetos mais exitosos da América Latina, após a pré-seleção na 13ª Capacitação Regional de Mercocidades, entre 18 iniciativas do Brasil, Paraguai, Uruguai, Bolívia e Argentina.

O projeto passou por todas as fases de seleção e participará do Seminário Internacional de Financiamento, durante a XXIV Cúpula das Mercocidades, de 27 a 29 de novembro, em Assunción, no Paraguai, que terá como tema central "Água e Cidades Sustentáveis". 

O diretor de Cultura de São Leopoldo, Jari da Rocha, que representou o Guardiões como proponente durante as etapas de seleção, fará a apresentação do projeto leopoldense no encontro. "A relevância desta conquista projeta São Leopoldo ainda mais para o mundo a partir de suas políticas públicas, principalmente no que se refere aos direitos culturais, ao cuidado com o meio ambiente, à sustentabilidade e à cidadania", destaca.

O Guardiões da Água será apresentado na mesa "Demandas locais e ferramentas para sua abordagem" às principais agências financiadoras, como BID, CAF, agências de cooperação, PNUD, SEGIB, visando à captação de financiamento e contará com a participação de autoridades de centenas de cidades da América do Sul e organizações internacionais.

Como critérios de avaliação foram considerados o respeito à equidade de gênero; a contemplação da agenda global dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável; a articulação de ações com organizações sociais, academia e outros governos locais da região; a contribuição para a integração regional e a capacidade institucional para sua implementação.

As despesas de viagem como passagens aéreas, hospedagem e alimentação serão oferecidas pela organização do evento.

GUARDIÕES DA ÁGUA

Esta edição do projeto, que é desenvolvido pelo Semae e pela Secretaria de Cultura e Relações Internacionais (Secult), teve início em março com oficinas voltadas a práticas socioambientais e culturais. O objetivo é promover a participação cidadã em ações coletivas e fomentar a cultura no município a partir do debate sobre o saneamento, abordando os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

 

Foto: João Rosa 
Texto: Andriele Giroto - Estagiária da Secult
Jornalista responsável: Aline Marques | MTb: 8929 | Scom/PMSL

Últimas Noticías

05/12/2019   Prefeito Ary Vanazzi sanciona lei para parcelamento de dívidas com o Semae

05/12/2019   Webinars ABES: Gestão de Perdas e Eficiência Energética

28/11/2019   Assemae divulga Carta aos Prefeitos e Prefeitas do Brasil

13/11/2019   Contagem regressiva para os 48 anos do Semae

13/11/2019   Obras da adutora do Loteamento Tancredo Neves chegam a 70% da execução

Notícias SEMAE

Utilize esta página para pesquisar nosso banco de dados de notícias

Nível do Rio dos Sinos

* Medição realizada às 7 horas no ponto de captação do Semae.

Ligação Gratuita 0800 510 2910

Unidade de Atendimento

  • SEMAE - Centro

    Rua João Neves da Fontoura, 811 - Centro