Esgoto / Estações de Tratamento de Esgoto

ETEs

O Semae possui 5 Estações de Tratamento de Esgoto em São Leopoldo:

Vista área ETE Vicentina

Vista área ETE Vicentina

ETE Vicentina

O sistema de tratamento de esgoto da Vicentina compreende um tratamento preliminar composto por gradeamento e desarenador para a retirada de sólidos grosseiros e areia; e de um tratamento secundário composto por um reator anaeróbio de leito fluidizado, cujo objetivo é a redução da carga orgânica e dos sólidos suspensos totais.

A vazão máxima de projeto da estação é de 8.640 m³/dia.

Grade e desanerador

Grade e desanerador

ETE Feitoria

O sistema de tratamento de esgoto da Feitoria compreende tratamento preliminar composto por gradeamento e desarenador para retirada de sólidos grosseiros e areia; tratamento secundário composto por uma lagoa aerada, cujo objetivo é a remoção da matéria orgânica e transformação do nitrogênio amoniacal em suas formas oxidadas; e de tratamento terciário composto por banhado construído (wetland) para remoção de nutrientes remanescentes do processo como fósforo, formas oxidadas de nitrogênio e coliformes termotolerantes.

A vazão média de projeto é de 10.360 m³/dia.

ETE Tancredo Neves

O sistema de tratamento de esgoto do Tancredo Neves compreende tratamento primário composto por um tanque séptico utilizado para sedimentação e digestão de sólidos sedimentados; e de tratamento secundário composto por filtro biológico anaeróbiom cujo principal objetivo é a remoção da matéria orgânica e de sólidos suspensos.

A vazão média informada é de 1.730 m³/dia.

ETE Distrito Industrial

O sistema de tratamento de esgoto do Distrito Industrial compreende tratamento secundário composto por reator anaeróbio de fluxo ascendente (UASB), cujo objetivo é a redução da carga orgânica e dos sólidos suspensos totais; e de filtro aeróbio submerso (FAS) com decantador concêntrico para remoção da matéria orgânica, nutrientes, patógenos e clarificação do efluente final.

A vazão média de projeto é de 160 m³/dia.

ETE Arroio Kruse (em reforma)

O sistema de tratamento de esgoto do Loteamento PAC Arroio Kruse compreende o tratamento primário composto por um tanque séptico, utilizado para sedimentação e digestão de sólidos sedimentados; e de tratamento secundário composto de reator aeróbio tipo biodisco, cujo objetivo é a redução da matéria orgânica.

A vazão média de projeto é de 54,6 m³/dia.

Nível do Rio dos Sinos

* Medição realizada às 7 horas no ponto de captação do Semae.

Ligação Gratuita 0800 510 2910

Unidade de Atendimento

  • SEMAE - Centro

    Rua João Neves da Fontoura, 811 - Centro