Água / Ciclo da água

CICLO DA ÁGUA

CICLO DA ÁGUA

CICLO DA ÁGUA

  1. A energia solar aquece as águas superficiais (rios, lagos, oceanos) e promove a transpiração dos seres vivos, ocasionando a evaporação contínua e lenta;

  2. O vapor da água em contato com as camadas mais frias da atmosfera faz com que ela forme gotículas de água e consequentemente as nuvens;

  3. Grande acúmulo de água nas nuvens promove a precipitação (chuva). Em regiões muito frias, a água passa do estado gasoso para o líquido e rapidamente para o sólidom formando neve ou granizo;

  4. A chuva ou neve derretida infiltra-se no solo renovando os lençóis freáticos. As águas subterrâneas emergem formando nascentes, mantendo o nível de água de lagos, açudes, etc. Plantas absorvem água no solo, animais ingerem água diretamente pelo consumo dos vegetais. O ciclo de água é permanente.

A ÁGUA NO MUNDO

Nosso planeta tem 3/4 de água sendo que 97,5% são de água salgada de mares e oceanos. A água doce representa apenas 2,5% do total de água do mundo. Esses 2,5% estão distribuídos assim:

- 2,08% em geleiras glaciais;

- 0,39% são águas subterrâneas;

- 0,029% em água superficiais (lagos, rios...);

- 0,001% em vapor na atmosfera.

INFORMAÇÕES SOBRE O BRASIL

O Brasil possui 13,7% de toda a água doce do planeta, o maior rio do mundo em volume de água - o rio Amazonas - e parte do maior reservatório de água subterrânea do planeta - o Sistema Aquífero Guarani, que compreende os estados de Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Os climas equatorial, tropical e subtropical que atuam sobre o território, proporcionam elevados índices pluviométricos. No entanto, mesmo com grande disponibilidade de recursos hídricos, o país sofre com a escassez de água potável em alguns lugares. A água doce disponível em território brasileiro está distribuída da seguinte forma:

- 72% dos mananciais estão presentes na região amazônica;

- 27% na região Centro-Sul;

- 1% na região Nordeste do país.

 

INFORMAÇÕES SOBRE O RIO GRANDE DO SUL

O Estado do Rio Grande do Sul possui 496 municípios e 9,1 milhões de habitantes, encontrando-se totalmente inserido nas Regiões Hidrográficas do Atlântico Sul e Uruguai.

- 286 municípios do Estado (59% das sedes) são abastecidos exclusivamente por águas subterrâneas; 

- 134 sedes urbanas são abastecidas por manaciais superficiais;

- Os demais 76 municípios (13%) são abastecidos de forma mista (mananciais superficiais e subterrâneos).

 

ATITUDES CONSCIENTES PARA REDUZIR O DESPERDÍCIO DE ÁGUA:

- Aproveitar as águas da chuva, armazenado-as de maneira correta;

- Fechar a torneira enquanto escova os dentes;

- Eliminar vazamentos. Uma torneira gotejando, gasta, em média, 46 litros de água por dia;

- Reduzir o consumo doméstico de água potável;

- Não contaminar os cursos d’água;

- Utilizar detergentes e produtos de limpeza que diminuam a poluição do meio ambiente (biodegradáveis);

- Evitar o desperdício, cuidando dos vazamentos de água, e não lavar as calçadas utilizando água potável;

- Ao tomar banho, devemos desligar o chuveiro ao ensaboar. Uma ducha chega a gastar mais de 16 litros de água por minuto.


Todas essas mudanças de hábitos são pequenas, no entanto, geram grandes diferenças. 

Caminhos da Água

Caminhos da Água

Nível do Rio dos Sinos

* Medição realizada às 7 horas no ponto de captação do Semae.

Ligação Gratuita 0800 510 2910

Unidade de Atendimento

  • SEMAE - Centro

    Rua João Neves da Fontoura, 811 - Centro